COMO SE PRODUZ AZEITE

Recentemente, o Brasil começou a produzir azeites de alta qualidade ou, melhor dizendo, Azeite de Oliva Extravirgem. Mas o que define um Azeite Extravirgem?

Para ser merecedor desta classificação o azeite precisa atender a alguns parâmetros químicos, testados em laboratório e também a parâmetros sensoriais que são definidos e testados por especialistas. Entre muitos outros: acidez inferior a 0,8%; ausência de defeitos e mediana do frutado superior a zero.

Parece simplista, mas o azeite nada mais é do que "suco de azeitona". As azeitonas vêm das oliveiras, o nome desta árvore, de aparência bem particular, vem de Oliva, que em Grego significa óleo. Os seres humanos extraem o azeite dos frutos das oliveiras desde o período neolítico. Estamos falando de uma árvore extremamente longeva, pode passar de 2.800 anos!

A colheita, no hemisfério sul, é feita em meados de Fevereiro. Uma vez feita a colheita; a prensagem ocorre o mais rápido possível; separam-se os resíduos sólidos da água e do óleo e, pronto!

FATORES QUE INFLUENCIAM A QUALIDADE

O cuidado do produtor com as oliveiras é fundamental, mas existem outros fatores que podem influenciar a qualidade, o aroma e o sabor do produto final:


De forma bem resumida, é isso! Inscreva-se em nosso mailing pelo formulário abaixo e continue acompanhando outros textos que vamos postar em nossas páginas com o objetivo de ampliar o seu conhecimento sobre esse, que é um dos alimentos mais nobres já produzidos pelo homem!

Fonte:
Livro "O Guia de Azeites do Brasil 2017: tudo sobre azeites brasileiros #semfalargrego", por Sandro Marques

ASSINE NOSSA NEWSLETTER

Compartilhe: